8 de abr de 2016

The Last of Us - Analise.



Depois da brincadeira sem graça falando mal sobre o The Last of Us, eu senti a necessidade de postar uma analise verdadeira sobre o game.


Existem jogos que nascem para fazer historia, pra marcar uma geração e pra ser lembrados por muitos gamers nem que seja daqui a 50 anos, o jogo vai continuar sendo lembrado. The Last of Us é um desses, o jogo da Naughty Dog chegou com tudo na geração passada, trazendo um novo estilo, uma historia comovente e personagem que serão lembrados ao longo do tempo. Falar sobre The Last of Us é uma tarefa dificil, e posso dizer que foi um dos melhores jogos que já joguei, é realmente um jogo que te prende do inicio ao fim, e que te deixa vidrado na historia, pois a historia é o ponto mais forte desse jogo.

ESTATÍSTICAS: 


Plataforma(s): PS3, PS4 
O analisador jogou no: PS4
Desenvolvedora(s): Naughty Dog
Publicadora(s) Sony Computer Entertainment
Data(s) de lançamento: 
PS3 - 14 de Junho de 2013.                                    
PS4 - 29 de Julho de 2014
Gênero(s): Ação-aventura, Sobrevivência.               
Plataforma(s): PS3, PS4 
Modos de Jogo: Um jogador, multijogador (online)
A historia de The Last of Us é de dar inveja à muitas filmes de Hollywood:
A trama vive em volta de dois protagonistas, Joel e Ellie. Joel é um pai solteiro, com cerca 30 anos de idade. Um cara que vivia uma vida normal, trabalhava, pagava as contas, mas quase não tinha tempo o suficiente para ficar com sua filha pré-adolescente, Sarah. Ele era tão preocupado com as contas e trabalho que ele esqueceu o próprio aniversario. Isso que é ter ocupação não é mesmo? Esquecer do seu próprio aniversario não é pra qualquer um. Uma mente realmente ocupada.


Mesmo com os problemas normais do dia-a-dia, tudo ia bem. Até que um dia a Sarah acorda no meio da noite, percebe que está sozinha e procura pelo o pai por toda a casa. Joel não aparece e o suspense dentro de Sarah começa ficar cada vez mais alto. De repente Joel aparece, entrando pela a porta da sala desesperado e atira em uma pessoa, Sarah se assusta e Joel explica que aquilo não era um pessoa e sim um monstro. Foi nessa noite que começou todo o Caos e foi o inicio do Apocalipse em The Last of Us. Começa um verdadeiro Caos, Joel coloca a sua filha no colo e parte em direção ao perigo, tentando fugir dele. No caminho da pra se ver todo o tipo de destruição, morte, tiros, incêndios, batidas de carros, acidentes e até mesmo pessoas comendo outras pessoas! Deve está passando pela a sua cabeça "Um apocalipse Zumbie?" Não. Em The Last of Us NÃO existem zumbies.

Os infectados que aparecem no jogo são pessoas infectadas por um fungo que realmente existe, sim, existe realmente na vida real. Mas de acordo com pesquisas biologicas e cientificas, esse fungo apenas afetas pequenos insetos, como formigas, joaninha, esses tipos de insetos.

O nome do fungo é Cordyceps, e tanto na vida real quanto no jogo, ele afeta o sistema nervoso de suas vitimas, controlando todos os seus movimentos, levando-a para para outros locais onde o fungo se aloja. O Corcyceps come o cérebro do inseto hospedeiro e começa a crescer para fora. O Cordyceps também lança esporos pelo o ar para infectar outros insetos a sua volta, assim como no jogo. E também ataca insetos saudáveis para infecta-lo. Sei que algum de vocês estão curiosos para ver como é um inseto infectado por esse fungo. Mas não irei postar aqui, pois tem pessoas que não gostam desse tipo de foto. Mas para quem quiser dar uma olhadinha nas fotos, basta clicar aqui. Nesse post irei apenas colocar foto de um dos infectados que aparecem no jogo. 


Isso não se parece nada com um Zumbie não é?

Após todo o caos acontecido na cidade onde Joel morava, a cronologia do jogo avança 20 anos, onde começamos a controla-lo num mundo Pós-Apocalíptico. Completamente destruido por causa dos infectados que viraram o mundo de cabeça para baixo. Alei marcial predominam as cidades  e ninguém respeita as poucas leis existentes, confiar nos outros pode facilmente resultar em sua morte. Quando um governo ou exército declara estado marcial, todos os direitos humanos são extintos, você não pode falar, ir ou vir sem a permissão das autoridades e qualquer desacato mínimo é passível de execução sem direito a qualquer defesa. 


E não vão pensando que é só porque The Last of Us é um jogo que se passa no Apocalipse que a humanidade vai está extina. Não. Ainda existem muitos humanos no mundo jogo, mas isso não quer dizer que eles serão bonzinho com você, muito pelo o contrario, eles vão querer te matar, e diferente dos infectados, eles usam arma de fogo. Ou seja, o jogo vai ser sempre desafiador. 

Você se pergunta "A infecção ainda tem cura?" e eu te respondo: Sim, e a cura está junto à uma garota que se tornou muito famosa por causa desse jogo, se tornou um rosto conhecido no mundo dos games. Essa pessoa é a Ellie, a segunda protagonista do jogo. 



Ellie viveu e cresceu dentro de uma Area de quarentena, pois quando ela nasceu, o mundo já estava completamente infectado. E por nascer em uma área de quarentena, ela não sabe nadar e não sabe nada de como era antigamente antes do apocalipse acontecer. Ela carrega consigo a possivel cura para o Cordyceps, não irei falar oque é pois seria um Spoiler e caberá a Joel transporta-la até um grupo de 'terroristas' ant governamental denominada como "Vagalumes" que lutam dia e noite para tentar restabelecer a humanidade como era antes.

Mas Joel se torna um homem amargurado, arrogante e que não confia nos outros. Então ele tenta manter distancia de Ellie e a ignora tanto quanto possível. O mais interessante na historia é ver como o relacionamento entre eles vai crescendo durante a trama. é lindo e comovente.

A historia de The Last of Us te prende muito pelo o fato de ser bem elaborada, o personagens são muito bem elaborados e ganha uma certa carisma do jogador, sem falar nos diálogos, são todos muito bem pensados. A personagem Ellie foi desenvolvida por varias mulheres da Naughty Dog, que ajudou a tornar essa adolescente um exemplo de como os personagem devem ser criado para ganhar carisma e que criemos um laço com eles. Foi tudo tão bem elaborado que é normal "cair um cisco no seu olho" durante a trama, ou "suar pelo os olhos" ou até mesmo descer aquela lagrima de macho. Porque você vai se emocionar com essa garota, e não vai ser pouco.  


JOGABILIDADE:
A jogabilidade pode ser considerada como complexa, um pouco difícil de se entender e se acostumar. Sabe aquele tipo de jogo em que você pega o costume com a jogabilidade, e depois você fica um certo tempo sem jogar e quando volta ainda ta acostumado com a jogabilidade? The Last of Us não é assim. Você pega fácil a jogabilidade no inicio, mas se desacostumar vai ser meio complicado voltar a se acostumar.   
 

O jogo é desafiador durante a jogatina, eu ja perdi a conta de quantas vezes eu morri. Os ifectados são cegos, porém tem uma audição melhor do que a mão do Chris quando cai um algodão no chão (se lembra dessa cena de Todo Mundo Odeia o Chris? Pois é) O menor barulho pode chamar a atenção deles, por isso você tem que ser muito cuidadoso. Se você esbarrar em algum objeto espalhado pelo o cenario, como por exemplo uma garrafa de refrigerante, ele ouvirá o barulho da garrafa caindo, e então, você terá que lutar. Sem falar também nos inimigos humanos, que tem uma inteligencia artificial fora do comum.

Você passa a maior parte do jogo lidando com os inimigos corpo a corpo do que atirando neles, pois os recursos do game é muito escassos, é raro você achar munição e até mesmo medicamentos, e quando você é ferido, você terá que ter muito cuidado, pois a vida não se regenera, a não ser que você ache medicamentos, ou achar itens que possa criar um medicamento "Como assim criar medicamentos?" calma, ainda vou chegar la.

Veja o breve video a baixo, irá mostrar um pouco da dificuldade de Joel enfrentando estaladores, uma das piores fases do fungo:



Como eu disse, munição é rara e você vai ter dificuldade pra matar um infectado dentro de uma sala onde tem 2 deles, pois se você mata um, o outro escutará, então meu filho, se for um Estalador, apenas corra! Pois com apenas um toque ele te mata, assim como vocês viram no vide-o acima.

Uma das unicas coisas que não podem ser considerada escassas são os tijolos e garrafas, isso tem muitos no jogo, felizmente, pois é um das ferramentas mais uteis que pode ter em The Last of Us, pode servir pra você jogar em algum inimigo, atacar e até mesmo destrair inimigos pelo o mapa, jogando em algum lugar que você queira. Mas todo cuidado pouco, você precisa pensar bem antes de distrair, pois pode não destrair apenas um, e sim varios, e se todos eles vão até você, eles vão de matar, a não ser que você fuja ou os mate na hora.

O jogo tem muita forma de combates, tem o combate corporal, também tem ataques furtivos, no quais você tem que ser furtivo e agarrar o inimigo sem ser vista, com armas brancas ou armas corpo-a-corpo como, taco de beisebol, pedaço de madeira, canos e por ai vai.

Upgrades:
As armas disponíveis no jogo são muito boas, podemos encontrar Shotgun, AK 47, Rifle, lança chamas, pistola, magnum, entre outras. Mas joel não muito boa com elas, ele treme muito quando mira e balança de mais, mas podemos apertar o velho botão pra fazer o personagem prender a respiração e parar de balançar a mira, o conhecido L3, o analógico esquerdo do controle.  E a parte boa nisso é que as armas de Joel podem ser melhoradas. Em algumas partes do jogo, você encontrará uma mesa que servirá pra melhorias de armas. Mas só poderá melhorar com o uso de ferramentas espalhadas pelo o cenário, mas você tem que ficar atento, pois os itens ficam muito bem escondidos pelo os enormes cenarios que o jogo possui, se você não for um jogador atentos, muitos desses itens pode passar batido.

CENÁRIO: 

Digamos que The Last of Us é um jogo que cairia bem no estilo Sandbox (Mundo aberto) Pois os cenarios são muito grandes, cheio de lugares pra ir. O cenário pós-apocalíptico é muito bem trabalhado, e que dá realmente uma impressão de "fim do mundo". Carros destruidos, casas derrubadas, mato no meio da rua, animais espelhados pela as ruas, muitos animais mesmo, você encontrará macacos e até girafas! Com o apocalipse, a natureza está sendo muito bem preservadas, por isso você encontrar muitas arvores e matos que nasceram no meio da rua.

Veja abaixo uma pequena galeria de fotos de alguns cenários do game:

Cenário de The Last ou US

Existem centenas de itens colecionáveis espelhados pelo os cenários, como HQ's que Joel da pra a Ellie, cartas de antigos moradoes em algumas casa, gravações feitas por soldados que deixaram mensagem de voz, um desabafo na esperança em que algum dia, suas ultimas memorias seriam ouvidas, quem na maioria são reclamações, saudades e medo.



DUBLAGEM:
A dublagem do jogo é boa, mas não é aquela coisa perfeita em que digamos "Essa vale a penas jogar dublado" Não, não chega a esse nível, Mas é um dublagem boa de se ouvir, e não incomoda. O que está incomodando no jogo é o atraso das legendas com as falas, eu não sei se esse defeito é apenas no PS4, ou se no PS3 também, mas não é um erro que estrague o jogo.

TRILHA SONORA:
Quem jogou sabe que não tem nada pra reclamar sobre a trilha sonora. São muito boas. As composições não tem um vocal, apenas o violão, mas é algo tão lindo que a voz não faz falta, apenas o instrumental é o suficiente.
Ouça algumas das trilhas sonoras jogo, dando um play na trilha abaixo:

Claro, tem seus defeitos por serem um pouco parecido de mais com a outra, mas é uma trilha sonora que combina com o jogo, e que são viciantes. Acho que vocês também irão viciar na linda trilha sonora desse belo game.

GRAFICOS:















Algumas pessoas dizem que gráficos não são importantes, eu também pensava assim, mas depois de pensar melhor sobre esse assunto, eu cheguei a conclusão que eles são importantes sim! A beleza visual de um jogo se faz com gráficos, oque foi o caso de The Last of Us. Eles são caprichados e impecáveis. A Naughty Dog caprichou no jogo, se ela melhorasse mais um pouco iria estragar. A beleza de The Last of Us está em seus grafics lindos e bem feitos. O gráfico é o que torna o jogo mais bonito (Visualmente falando).

CONCEITOS DEIXADOS DE LADO:
Enquanto um jogo está sendo criado, a produta pensa em muitas coisas, mas algumas elas retiram dos seus planos e então não aparece no jogo. Agora estarei falando da ideia deixado de lado pela a Naughty Dog.
Análise The Last Of Us

Originalmente, o jogo teria vindo para os consoles com mais tipos de inimigos. Os animais também seriam infectados e teríamos de lutar contra eles. Mas, a Naughty Dog deixou isso de lado, e isso com certeza deixaria o jogo mais difícil do que já é.  E oque faltou no jogo foram mais inimigos, os infectados são muito trabalho e dificulta o jogo? sim, mas não é o bastante. The Last of Us também poderia ter mais personagem, pois faltou aquele vilão que poderiamos odiar ou amar, um vilão que marcasse, mas os unicos personagem que marcaram o jogo foram os protagonistas, Ellie e Joel, nós nos apegamos mais a eles dois doque outros personagem envolvidos na trama que podemos considerar "sem sal" por não terem tanta carisma. Espero que levem isso em conta se forem desenvolver uma sequencia, que ainda estamos sem informações, mas concerteza vai chegar. Pode demorar, mas vai chegar.

CONCLUSÃO:

The Last of Us foi o jogo do ano em 2013 e foi o único do ano a ganhar a nota 94/100  nas Reviews mundiais.


Sem duvida alguma, The Last of Us é um titulo mais do que obrigatório para qualquer dono de PS3 ou PS4. O jogo é simplesmente incrivel, tem seu pontos negativos, claro, mas os pontos positivos são mais do que negativos. The Last of Us não é aquele tipo de jogo que decepciona, e sim conquista! Pra quem ainda não jogou, jogue, pois você não sabe oque está perdendo! The Last of Us é tão obrigatório para donos de PS3 ou PS4 quanto Super Mario é obrigatório para os donos de Super Nintendo, ou como Sonic é obrigatório para o MegaDrive.

Vale a pena jogar de novo?
Esse jogo vale a pena jogar de novo sim! Ele também tem aquela opção de "New Game+" que permite zerar novamente com todas as armas e no mesmo nivel de Upgrades, você também poderá liberar roupas novas, relogios, bolsas, etc.

Eu falei sobre a relação dos dois, né? Entre Ellie e Joel? Antes de encerrar essa analise, que tal assistir à um video pra vocês verem como a relação entre os dois vão crescendo? Olhem o video abaixo, lhe garanto algumas risadas, nem que seja pequena.



The Last of Us deixou saudades com sua historia e final incriveis, de fato não há do que reclamar sobre a belíssima historia de The Last of Us e que merece uma continuação.

Bom, é só isso que tenho pra falar sobre o game, queria falar mais, pois é um jogo que merece ser falado, jogado, visto a admirado, mas se eu falar, a analise vai ficar grande e cansativa de mais.

Então é isso, espero que tenham gostado da analise e que jogue The Last of Us se ainda não jogou. Eu te garanto, vai valer apena.

Agora fiquem com os pontos positivos e negativos:

PONTOS POSITIVOS:
-Historia excelente
- Jogatina extremamente viciante. 
- Personagem muito bem trabalhados, transmitem emoções como fossem reais. 
- a tansão, o suspense e o medo de morrer é cada vez maior no game. 
- O final possui uma reviravolta de emocionar. 

PONTOS NEGATIVOS:
-Possui poucas classes de infectados, oque torna os inimigos repetitivos. 
- O jogo não libera armas novas depois que zeramos um vez, apenas as mesma que você ja possui ou ja possuiu. 
- A dublagem, embora muito boa, o som e o audio do jogo possuem defeitos no PS3 (que foram resolvidos no ps4) mas a legenda continua atrasada em relação ao audio do jogo. 

NOTA AGBR: 10.0 - IMPERDÍVEL!

Fui!





O post foi

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...